20/08/12

Feito para dezembro, janeiro, junho e setembro.

Escrever para você requer memória, astúcia e vestígios de sua voz que está em mim para me contentar com sua ausência com fim.

Meus olhos não cansam de te ver.

Advertisements

Que me ama, que me ama, que me ama.

Quero ouvir sua voz quando acordar. Quero dormir abraçada em você. Pensando no amanhã bom que tivemos e não no ontem. Para que quando estivermos nervosos não descontemos em nós mesmos, porque depois perceberá que sim, foi desnecessário. Quero acordar com seu cheiro. E você falando baixinho que me ama que me ama que me ama. Quero acordar, mas parecer que estou dormindo ainda. Em um sonho, só eu e você.

14/08/12

Qual sua função?

Na estrada sem volta que é a vida.

Que envolve os amantes, quando memórias felizes

são jogadas do céu.

Piso que se perde na solidificação quando pensa liso.

Pensar além pode ajudar o meu querer

a passar para você, que é o meu querer.